tratamentos

Edema Linfático ou Linfedema
As pessoas com doença linfática têm uma menor circulação da linfa pelo corpo. Podemos dizer resumidamente que, como a linfa fica mais “parada”, uma parte desse líquido sai de dentro para fora do vaso linfático, ficando acumulado debaixo da pele, causando linfedema (inchaço) dos pés, tornozelos, pernas ou dos braços. Quando o linfedema (inchaço) aumenta, pode causar dor no local, deformidades, dificuldade para movimentar a perna, o braço etc. e até mesmo infecções da pele. Nos casos mais complicados, o inchaço é tão grande que pode dificultar o movimento do membro com incapacidade de andar normalmente.

Quais os principais tratamentos?
No geral o tratamento é escolhido de acordo com cada caso. Baseia-se no uso de medicamentos, fisioterapia ou cirurgia, podendo ser utilizados isoladamente ou em associação.

Em geral é indicado:
Repouso/elevação do membro afetado.
Medicamentos: por exemplo, drogas chamadas de linfocinéticas têm a capacidade de aumentar a circulação dos vasos linfáticos e assim melhorar os sintomas.
Fisioterapia: sessões de drenagem linfática manual e compressão pneumática intermitente melhoram, por meio da “massagem”, a circulação linfática.

ATENÇÃO!
As informações oferecidas por este site não substituem o acompanhamento dos médicos especialistas em Cirurgia Vascular, Cirurgia Plástica e Dermatologia.

CopyRight © 2011 - 2005 . Clínica Jardins- Todos os direitos reservados. | www.clinicajardins.com | Incluir aos favoritos | BRASIL

Clínica Jardins - Rua Carlos Martins - 846 - Jardim Camburi, Vitória - ES Tel: 27 3237 2302
Diretor Técnico: Eric Teixeira Gaigher CRM-ES 7365